►ÁGUA: 'Bioágua' -água é reciclada por agricultores, para uso no plantioaguatododia

AGUA TODO DIA








Translate

PESQUISE AQUI.

Posts mais populares

Headline Animator



▼ Headline Animator

ÁGUA

'Bioágua' -água é reciclada por agricultores, para uso no plantio

Sistema reutiliza água para agricultura, em Garanhuns (Foto: Reprodução/TV Asa Branca)Agricultores reciclam água para o uso no plantio, na zona rural de Garanhuns 

Sistema reutiliza água para agricultura,




Líquido antes era jogado fora e agora passa por um tratamento, no Agreste.
Resultado é economia e o plantio irrigado com água rica em fertilizantes.






Um projeto sustentável está mudando a rotina de quem mora na zona rural de Garanhuns, Agreste pernambucano. A água, que antes era jogada fora, agora passa por um procedimento para ser reutilizada na agricultura. No município, 26 sistemas foram montados e há mais 100 em outros quatro municípios da região.

"O sistema reúso 'Bioágua' aproveita 
as 
águas cinzas, 
que são 
as águas das torneiras, 
do banho  
e a 
água do tanque da lavação de roupa. 

A água de fossa não inclui", detalha a coordenadora de obras do projeto, Adriana Gouveia.
A água utilizada vai para uma caixa de coleta de gordura que fica no lado de fora da casa. Quando está cheio, o reservatório faz a canalização para outro recipiente com minhocas e humus, um tipo de esterco, adubo orgânico. As minhocas têm a função de comer e remover a gordura presente na água. Esta é a primeira etapa de filtragem.

Sistema reutiliza água para agricultura, em Garanhuns (Foto: Reprodução/TV Asa Branca)Sistema reutiliza água para agricultura,
em Garanhuns (Foto: Reprodução/TV Asa Branca)
Ao todo são cinco camadas, além desta com minhocas e húmus.  

Tem a segunda, 
com a serragem,  
que também serve de alimento para as minhocas. 

A estrutura segue areia, brita e seixo

A profundidade do filtro é de um metro. 

"Foi um milagre que aconteceu, né? 

Eu tinha vontade de fazer uma horta mas não tinha condições. 

Agora tem", comemora a agricultora Cleonice Alves.


Depois da filtragem, é realizado o bombeamento para as mangueiras de gotejamento. 
O resultado é economia e o plantio irrigado com água rica em fertilizantes. 

Pelo padrão de montagem, são 152 metros quadrados de área coberta.

A gerente do projeto na região, Fernanda Wanderley, ressalta a importância da iniciativa. 
"Em várias comunidades que a gente vem atendendo, o que nos chamou muito a atenção foi a mudança no quintal produtivo dessas pessoas. Eles não tinham nenhum tipo de insumo, nenhum tipo de alimentação e com um curto prazo de um mês elas já têm alimento para a família. E quiçá, alguns excedentes para comercialização em feiras agroecológicas".

fonte:  G1
Do G1 Caruaru

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mensagem do formulário de comentário:

grátis, receba nossas novidades em seu email (@) ▼


grátis, receba nossas novidades


em seu email (@) ▼



▼Enter seu email

address: ▼





Delivered by FeedBurner


google-site-verification: googled5a38144460aaa94.html